Terapias,  Uncategorized

Como limpar a glândula pineal

Limpar a Glândula Pineal é útil para aqueles que desejam desenvolver sua percepção multidimensional. A glândula Pineal irá naturalmente fazer o seu próprio DMT, quando em pleno funcionamento e será capaz de permanecer em um estado visionário maior parte do tempo.

Uma glândula pineal desperta traz a capacidade de viajem astral consciente, exploração de outras dimensões, previsão do futuro e recepção de comunicações com outros seres dimensionais.

DMT é um componente da Ayahuasca – uma planta medicinal da Amazônia, que traz cura profunda física e do coração através de seus efeitos purgativos e da percepção de outras dimensões.

Aqueles que usam este medicamento entram em um período de “trabalho” onde as questões vêm à consciência e podem ser curadas com as idéias que vêm da consciência DMT.

A vantagem de limpar a nossa glândula pineal para que produza o seu próprio DMT é que podemos estar em um estado contínuo de “trabalho” espiritual e sermos poupados dos efeitos purgativos de beber a ayahuasca.

Assim não precisamos mais tomar medicamentos como um complemento para as nossas vidas espirituais. DMT é uma substância totalmente natural que o corpo humano irá produzir e distribuir quando estiver num estado curativo.

Assim, ao que parece os seres humanos tinham a intenção de serem visionários e capazes de acessar as informações em outras dimensões. Esta percepção dimensional transcende o ego e rapidamente cura os nossos sofrimentos, conflitos e, portanto, karmas.

Aqui estão alguns princípios básicos para desintoxicação da pineal:

1. Mercúrio – este é realmente ruim para a glândula pineal. É veneno. Não deixe isto entrar em seu corpo. Obturações dentárias de mercúrio são toxinas para a pineal. Remova-as. Todas as vacinas também mercúrio contaminado.

Thimersal (um conservante de vacina) é metilo mercúrio e é muito difícil de sair do cérebro, uma vez entrando lá. Evite comer peixes e alimentadores inferiores, tais como os camarões. Atum e carne de golfinho são particularmente ruins – quanto maior o peixe, maior a concentração de mercúrio em seu tecido do corpo.

Lâmpadas Eco – se uma for quebrada, vapor de mercúrio é liberado para o quarto e inalado. Evite a todo custo quebrar uma em local fechado.

O mercúrio pode ser removido do corpo através da utilização diária de chlorella, grama de trigo e espirulina. Erva de Coentro tomado diariamente pode ajudar a remover o mercúrio do tecido cerebral.

2. Flúor – em pastas de dentes e água da torneira. Outro veneno pesado. Evite a todo custo. Calcifica o tecido pineal e, basicamente, fecha a glândula.

3. Alimentos orgânicos – alguns pesticidas são toxinas para a pineal. Alimentos orgânicos saudáveis com uma alta proporção de matéria-prima oferecem suporte para desintoxicação da pineal.

A carne não é útil também. Algumas pessoas que canalizam parecem não serem afetadas, mas para muitas a toxicidade e a densidade da carne irá gerar desafios e queremos fazer o trabalho mais fácil se pudermos.

4. Álcool + fumo – Naturalmente, estes precisam sair junto com as ligações emocionais que conduzem a usá-los (geralmente se resume a questões de auto-estima ou trauma não resolvido).

5. Cura do Coração – eleva a vibração geral do ser e cura o medo – uma vantagem útil para quando começar a ver outras dimensões.

6. Outras toxinas – se algo é tóxico não coloque em seu corpo. Se você não pode dizer o seu nome é mais provável que seja ruim. As toxinas incluem adoçantes artificiais (aspartame K), açúcar refinado, phylenanine (em abóboras), desodorantes, produtos químicos de limpeza, anti-sépticos bucais dentários (água salgada é suficiente) e purificadores de ar.

7. Chocolate Cru – Cacau bruto é um estimulante / desintoxicante da glândula pineal em doses elevadas por causa do alto teor antioxidante. Seja disciplinado com as etapas 1-6 por um ano e assim certamente trará o despertar da pineal. Passo 6 é opcional, mas muito útil também.

Fonte: waking times

 http://despertandodeuses.blogspot.com.br/2012/06/como-limpar-glandu…

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »