Espiritualidade,  Uncategorized

Elevar-se acima das condições

Quando alguma coisa não corre bem, há logo tendência para acusar as más condições.

Pois bem, sabei que, enquanto acreditardes que a vossa felicidade ou a vossa infelicidade depende das condições, não estareis ao abrigo de nada.

Porque a vida é assim, e nela nada é verdadeiramente estável e definitivo; se não fizerdes um trabalho com o pensamento, com a vontade, sereis incessantemente sacudidos de um lado para o outro, felizes quando as condições forem favoráveis, infelizes quando encontrardes obstáculos e dificuldades.

Então, aonde ireis vós assim?

É necessário compreender, de uma vez por todas, que as condições nunca são determinantes.

No mesmo solo, possuindo os mesmos elementos químicos, os figos podem crescer tão bem como os cardos.

Numa família onde os filhos têm o mesmo pai e a mesma mãe e recebem a mesma educação, podem encontrar-se grandes diferenças físicas, intelectuais e morais entre eles.

E também se constata, quando certos acontecimentos incidem sobre a colectividade, que as mesmas provações não afectam todas as pessoas do mesmo modo.

Porquê?

Porque elas não os enfrentam com o mesmo estado de consciência.

Enquanto umas, que não têm uma compreensão adequada, pouco a pouco se tornam irritadiças, vingativas ou se deixam esmagar completamente e envenenam a vida daqueles que as rodeiam, outras, pelo contrário, reforçam-se, enriquecem-se e, graças às suas experiências, podem depois ajudar quem as cerca com os seus conselhos, com a sua atitude, com a sua irradiação, com as forças que emanam.

de  OMRAAM  MIKHAËL  AÏVANHOV

Fonte: http://lotusdourado7.blogspot.pt/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »