Espiritualidade,  Uncategorized

Mensagem de Arcanjo Miguel e Arthrathon


Dos confins do Infinito, recebem Energias Divinas e amorosas.

“Não é nossa essa nave.
Não era Nave Alfa e não suportou feixe de emanação colocado ao longo da costa (cristais rômbicos* a vibrar numa frequência não visível ou audível).

(Existem reentrâncias na costa, por baixo do solo, com entradas cristalinas para dentro do continente)

As grilhetas, as correntes apertam, estão a senti-lo e por isso lutam.
Mas não lutem, não resistam! Elas vão quebrar-se.
Esperem calmamente.
Podem fazer coisas que vos aliviem, sim. Mas não lutem nem desesperem.
As grilhetas vão quebrar-se por si próprias. Confiem. Confiam?

Para nós, Ar, Terra, Água, não existem no sentido matéria.
Não precisamos de as atravessar, como vós. Apenas são forças, energias. 
Por isso, fluímos nelas.
Quando te elevas, quando a frequência sobe, não há matéria/ar/água/terra. Apenas fluis nelas.
Assim é também com todas as formas criadas para se deslocarem, os que penetram a vossa dimensão.
São Naves, são aglomerados energéticos de altíssima vibração que permitem transportar o que seja necessário até à vossa vibração.
É também possível transportar-vos, sim…
Mas só o é feito quando é imprescindível para o Plano Divino.
Nunca a Luz o faz para ‘estudos’, abduções, etc.
Sabemos de vós tudo o que precisamos, pois vos sentimos.

Mas há Povos no Universo, sobretudo fora desse vosso Universo, que não entendem como o corpo/matéria pode experienciar em simultâneo o corpo/Luz e dele se consegue também dissociar.
E com esse corpo/matéria, sentirem-se poderosos na construção e na destruição.
E confunde alguns Povos, como vocês são Luz e nem disso tem noção ou percepção.
Então, pode vir a abdução para tentar compreender.
Então, pode vir a miscigenação ou também a tentativa de conquistar quem escolhe viver na Terra, porque são mais fortes ao terem em vós a dualidade.
Dualidade não é só Bem/Mal. É também a capacidade de incorporação da Alma na matéria .
Vejam isto como um Todo, como a tal experienciação, o entendimento da Infinitude e das capacidades de criação do Infinito.

Saber lidar com a ausência do ‘ter’ é para muitos uma forma de florescer.
Ficar com pouco ou nada ao redor é o início do olhar para o Todo que está dentro de vós.
Dentro de vós, está a Unidade.
E o que vemos/sentimos, não é o vosso exterior, se são feios ou bonitos, arranjados ou não.
Apenas vemos o que está em vós, o que transportam.”

-Porque é esta uma comunicação dos dois?

“A Missão é a mesma: Protecção e desenvolvimento em vós.
Não importa por onde estejamos.
Em Miguel me ajoelho.(Arthrathon)
Está em Nós a Unidade, Somos Todos Um.
Sentimos, vivemos, Somos essa Unidade.

Sabes que lidamos também com forças que vocês chamam de negativas.
De Nós, apenas sai Amor.
Amor Incondicional.
Amor Força.
Amor que não permite que destruam a Criação.
Essas forças sabem já que apenas têm duas opções: aceitar a sua divindade ou manterem-se isoladas em si mesmas, nunca conseguindo assim atingir a Unidade.
Sabemos também que vocês por muito já passaram e que há uma espécie de medo e até amnésia.
É dever da Fonte/Pai/Mãe levar a que esses seus filhos e filhas amadureçam e regressem a Casa. As portas e os braços estão abertos!
E tudo isso proclamamos por todo o lado!
Lentamente, para vós, estamos a evacuar criações não conscientes que apenas estão conectadas numa vibração não divina, quase desconhecida. Foram criados nesse sentido.
Mas não há Alma ou Unidade nessas criações. São como ‘vírus’.
Estão a ser evacuados e Amados.

Não tenham Medo! Não estão esquecidos. São os mais amados e lembrados por Todos! Por serem , todos vós, intrépidos! Corajosos! Aventureiros!
E não há minorização ou maiorização para outras Almas nos multi Universos! Há apenas respeito e apoio.
Dos confins do Infinito, recebem Energias Divinas e amorosas.
A Via Láctea é como uma clareira, que Todos sabem que existe e para ela emanam o seu Amor.
Ás vezes, parece-vos que estão no fim de um caminho e que para além dele, já não há nada… Mas ali, na esquina, voltam de novo ao início, à Origem, a vós mesmos.
E somos , muitos, os que se propõem a regressar de novo.
Não há nenhuma programação para isso, é como um jogo que queremos aperfeiçoar e que , para isso, é necessário regressar a ele. Para que, se mais alguém o quiser fazer, já não tenha curto-circuitos.

Apenas o Amor permite a escolha. Sem Amor não há escolha. 
E todos vós têm escolha.
Não sintam nas vossas vidas que estão obrigados ou limitados, porque têm escolha.
Só que entendem, aí, que a escolha doí. Não tem de doer se é consciente, se é vossa.
Não se desculpem que depende sempre de algo. A escolha é vossa!

Amor também é desapego.
Amor é ter as mãos cheias, apenas, de Nada.
Amor é, apenas, ter o Coração cheio do Todo.
Vejam como são felizes os monges…vão deixando a prisão para trás e avançam.
Esta escolha não é possível a todos, porque nem todos estão preparados.
Mas reflictam do pouco que precisam para viver, daquilo que têm e já não usam, aquilo que conseguem dispensar…

Transformem e transformem-se.
Doem e doem-se.(Verbo doar)
Não dói! Apenas alivia.
Construam sonhos!
Os sonhos não são castelos de areia que sucumbem ao mar.
Os sonhos são elevações quânticas quando são sonhados em Amor.
Se esses sonhos não se materializarem em vós, proporcionarão a outros que essa energia flua neles.

Não critiquem, retribuam em Amor.
Não agridam, retribuam em Amor.
Não invejem, tudo têm em vós.
Não temam, a vossa força constrói caminhos.
Não são dedos apontados a vós, são alertas para que tomem consciência das vossas emoções, do que o corpo vos está a produzir.

E o que estão a fazer ao vosso corpo? De que imagens o estão a alimentar? Que alimentos ingerem? Que ideias produzem?
Sem se aperceberem, absorvem energia que não interessa. 
E reproduzem-na… e sentem-se cansados… e desorientados…
Sintam o Sol em vós!
Sintam a Água que ingerem a banhar o vosso corpo em todos os recantos!
Inspirem o Amor e expirem ainda mais Amor! Incondicional!
Dêem a mão a alguém…
Emitam palavras doces…
E a Alma e o Corpo ficarão em maior consonância, uma no outro.

Em conjunto , transmitimos esta mensagem do Universo para vós, para que a leiam e para que ela flua em vós.
Assim É!
O Amor do Universo está em vós?”

Arcanjo Miguel e Arthrathon

*Sistema ortorrômbico ou sistema rômbico: inclui todas as formas cristalinas que se podem referir geometricamente a uma cruz axial trirrectangular de três parâmetros desiguais e, por conse-guinte, não permutáveis.

In Infopédia

Transmitida a Maria Clara

Publicado por: Hugo l. Arteiro

voonaluz.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »