SelamatBalik! Chegamos agora para relatar o que está acontecendo em seu mundo.

A cabala escura continua cheia de trapaças.

As trevas forjaram um mundo em que a desonestidade e a fraude foram honradas de uma forma verdadeiramente imensa.

Este fato levou a um surto de decepção que logo se tornou óbvio que só os vistos como confiáveis pela Luz seriam capazes de desempenhar as suas atribuições de forma rápida e justa.

Assim, decidimos empregar apenas aqueles cumprissem seus deveres designados sem incidentes.

Para isso, criamos um agrupamento composto por um grupo especial de seres. Ao contrário da maioria dos humanos, esses indivíduos serão capazes de facilmente levaram a cabo seus deveres atribuídos.

Ao longo dos últimos meses, escolhemos cuidadosamente estes brilhantes indivíduos para superarem uma série de dificuldades atuais que nos permitirão completar o novo sistema de transferências. Portanto, estamos agora concluindo alguns testes, pretendendo iniciar o processo de forma massiva no próximo mês.

No entanto, ainda há mais a dizer sobre o que estamos fazendo para enviar suas bênçãos com segurança.

Ao longo dos últimos meses, temos trabalhado estreitamente com nossos aliados terrestres e os aghartianos, sobre a melhor forma de vencer as muitas restrições apresentadas pela cabala escura e seus colegas banqueiros, começando com uma série de prisões em massa do pessoal do escalão inferior.

Estas pessoas estavam mais intimamente associadas com o funcionamento diário desse oneroso sistema. O efeito disso foi como o anterior: apenas provocou uma desaceleração temporária no seu funcionamento. Então, decidimos ajudar muitas outras nações no investimento de um sistema de transferência mais livre e justo, que tivesse a capacidade de contornar o atual. Um sistema mais prudente.

No entanto, esta alternativa não foi realmente concebida para se iniciar de uma maneira globalizada, até o fim deste ano gregoriano. Por isso, foi decidido até então, usar um sistema, onde o pessoal-chave fosse formado por indivíduos seguros e confiáveis. Este é o sistema que atualmente focamos nossa atenção e que parece ser uma maravilhosa correção temporária.

Na medida em que estamos ocupados, resolvendo este conjunto de problemas, nossos contatos estão assistindo aqueles que estão formando a nova governança NESARA. Esta etapa especial, particularmente, marca o início de um processo que naturalmente conduzirá à sociedade galáctica.

Sua governança precisa se tornar uma transição aberta entre o que for o melhor para vocês (governança aberta) e seu futuro, totalmente conscientes. Governos que originalmente eram uma província de privilegiados, onde em suas sociedades o dinheiro “fala”, com eleições e assembléias controladas e gerenciadas por oligarquias (poucas famílias realmente ricas).

Esse arranjo não é algo que realmente possa apoiar políticas públicas. Esta governança tem que ser aberta para todos. É onde entra o plano NESARA, que apoiamos, simplesmente porque qualquer sistema não responsivo por envelhecimento, simplesmente precisa de uma grande reestruturação para restaurar seus princípios originais.

É onde o NESARA se encontra agora: no limite de sua manifestação. Na medida em que as bênçãos forem distribuídas, este sistema, finalmente, poderá ser relevante para estes tempos!

O NESARA baseia-se em se tornarem dispostos em ajudarem aqueles que comporão esta governança. Na medida em que se tornarem prósperos, começarão a interagir com este governo e mesmo se tornarem um pool público de competência, que geralmente usará a sabedoria para ajudar as estas alterações necessárias a esta governança retornar para sua finalidade original.

Esta nova sociedade de consciência mais elevada poderá mais facilmente compreender os mandatos e diretivas do NESARA. Por isso, terá que haver um consenso mais amplo sobre como conduzir esta governança através de seus difíceis quatro meses de mudanças. Depois disso, haverá um eleitorado muito esclarecido, que poderá eleger aqueles que levarão adiante as mudanças propostas pela governança NESARA.

Uma das coisas a serem implementadas por este governo é o fim do acobertamento OVNI. Isso nos permitirá abrir um diálogo com a humanidade da superfície. Este será o começo de uma transferência de saber e tecnologia, que será a base de uma sociedade verdadeiramente maravilhosa. Também significa que assim poderemos pousar lhes apresentar nossos mentores.

Namastê! Somos seus Mestres Ascensos! No tempo presente o foco é sobre o serviço divino. Há muito tempo atrás, os Céus decretaram que a duração de seu tempo na consciência limitada estava finalizado. Nestes decretos sagrados, os Céus claramente afirmaram que suas existências nesta estranha realidade estaria limitada a um período de pouco mais de doze e meio milênios.

Cumpriram fielmente este período. Verdadeiramente, cumpriram todos os requisitos e provaram seu valor aos Céus, que, de boa-fé nos enviou ajuda. Esta ajuda nos possibilitou os eventos que estão apenas começando a acontecer. Estes eventos incluem suas bênçãos e uma nova e transparente governança. Essas coisas irão alterar muito a forma de como funciona esta realidade.

Assim, pedimos que aprendam a focalizar. Usem esse foco para apoiar a manifestação de uma série de eventos importantes. Agora, a velha cabala escura está desaparecendo. Utilizem este foco para continuarem a imaginar uma nova realidade. Juntos, poderemos criar uma nova e maravilhosa realidade!

O que estamos discutindo é a forma de usarem suas habilidades para superar uma grande frustração causada pela escuridão e usada por ela para alongar seu tempo no poder. No entanto, são magníficos em continuarem acreditando, apesar dos numerosos obstáculos para verem através de tudo isso.

As trevas, agora estão rapidamente desaparecendo, na medida em que seus muitos esquemas hediondos falham. Estão de parabéns por isso. O que simplesmente pedimos, enquanto chegamos ao fim desse longo e escuro túnel, é para continuarem em suas intenções. Apóiem aqueles elementos com a vontade poderosa do Criador para expulsar esses demônios e substituir seus horrores com as maravilhas da Luz.

Em repouso, estão prosperando, ganhando sabedoria para finalmente reunirem-se com suas famílias espirituais, do espaço e da Terra Interior! Muita alegria serão suas! Alegrem-se e verdadeiramente celebrem o que está por vir.

Assim, têm muito a agradecer! Os Céus e sua multidão de ajudantes estão pavimentando o caminho para uma nova realidade e consciência, com tudo incluído. Estão prestes a aprender muito sobre si mesmos e seus ancestrais distantes que aqui vieram para serem os guardiões, juntos com os cetáceos, desta grande realidade.

Estão para descobrir sua próxima série de eventos, que irão lançá-los para a primeira fase do serviço divino com os Céus. Estão para começar a espalhar sua excelente alegria e sabedoria para todos os aspectos desta realidade galáctica.

Seu longo tempo em cativeiro, deixaram-nos com uma grande sabedoria interna, da forma de como a escuridão agiu nesta galáxia. Fora isso, chega uma maneira de ensinar e permitir que a Luz penetre em todos os aspectos. Estão para, verdadeiramente se tornarem uma célebre e lendária nação estelar! Isto e muitas outras coisas verdadeiramente nos tornam felizes por vocês.

Hoje, demos uma melhor perspectiva sobre o que está acontecendo atualmente em seu mundo. Os atrasos provocados pelo escuro agora estão pronto para serem rompidos. A Luz está preparando para grandes eventos, que devem começar a impulsioná-los para uma nova realidade. Seja gentis e capazes de expressa-la numa alegria mais magnífica!

Saibam, meus Queridos, que as incontáveis Fontes e a Prosperidade sem fim dos Céus são realmente Suas! Assim Seja! SelamatGajun! SelamatJa! (Siriano para Ser Um! E Estejam em Alegria!).

Fonte: http://www.paoweb.com/
Tradução: Candido Pedro Jorge

Entramos em outro nível mais elevado da Ascensão.
Isso traz a oportunidade de ter a mente e o coração como Um, o que produz a Mente Elevada.

Trata-se realmente de pensar com o coração, o que significa que as palavras surgem para descrever os sentimentos da essência… amor, confiança, respeito, honra, integridade, etc. À medida que se concentram em uma essência, vocês criam palavras que conduzem à elevação da consciência.

Conforme vocês sabem, a nossa mentalidade e os nossos sentimentos – nível do coração, tendem a agir de modo separado como a Alma e o ego separado. Agora temos a oportunidade de tê-los fundidos, assim, não temos aqueles pensamentos da dualidade, mesmo enquanto nos concentramos nas essências do coração.

Claro, isso é o potencial e a maioria vai se encontrar em algum lugar ao longo do contínuo dos sentimentos/coração, ego separado e Mente Elevada. Portanto, deem-se algum espaço para ter essa evolução. Vocês não precisam ser duros consigo mesmos se ainda têm pensamentos de julgamento, separação ou dualidade da mente inferior. Reconhecem-nos e em seguida, deixem-nos de lado e os substituam por amor, essência do coração/Alma.

Conforme passamos cada vez mais para a Mente Elevada, observamos que os pensamentos inferiores se transformam em pensamentos da essência. Isto é, o julgamento se transforma em compaixão, a raiva em aceitação, o ódio em amor. Tudo isso é uma atualização de nossa consciência da Fonte.

Estamos concluindo outra etapa de atualização, em que recebemos ainda outro impulso de Luz/Amor e uma conscientização do que estava oculto nos antigos padrões e crenças limitantes. Muitos estão vivenciando um completo esvaziamento e por isso se perguntam se eles existem de qualquer modo. Devemos concordar que esteja correto, mesmo que seja desconfortável.

Sempre quisemos uma bela caixa para combinar, todavia, com o Novo, pediu-se para não tentar substituir uma caixa velha por uma nova. Não podemos, porque qualquer caixa nova nada mais é do que uma recriação do antigo, de forma diferente.

Tomem este momento para envolver-se no vazio e se isso for algo para o qual vocês ainda não estão prontos, então, concentrem-se em como querem se sentir.

Vocês podem utilizar afirmações como: EU SOU amor. EU SOU o todo. EU SOU próspero. EU SOU poder. EU ESTOU criando e manifestando os meus sonhos, e assim por diante.

À medida que se rendem, vocês realmente estão fortalecendo o seu Eu Autêntico, a sua Alma. Em resultado, vocês conseguem ouvir a Orientação da Alma de modo mais claro. A partir daí, depende de vocês seguirem a orientação ou permanecerem em sua mente inferior e na zona de conforto.

Posso dizer-lhes que seguir a sua orientação sempre o levará para o lugar ao qual vocês pertencem, mesmo que se sintam um pouco desconfortáveis porque não é o que vocês estão habituados.

Para aqueles que se renderam para ser o seu Eu Autêntico, podem não saber quem são ou podem parecer tão diferentes que vocês acham que perderam algo. Bem, de certo modo, perderam isso. Sendo “isso” a mente egoica, inferior e separada. Podem sentir-se um tanto desconfortáveis porque queremos nos identificar com algo.

Portanto, se vocês se sentem bloqueados, deprimidos, solitários, desconectados, carentes de paixão ou de alegria, saibam que está certo. Este é um período em que o ego separado se funde com a Alma e esse é exatamente o propósito da Ascensão.

Não queremos nos livrar do ego, porque em seu legítimo lugar, o ego é quem expressa a Alma de modo mental, emocional e físico. Quando uma pessoa faz a transição da vida terrena, não existe ego para expressar a Alma, porque, então, esse ser é a pura Alma sem qualquer veículo para expressá-la.

Que coisa, estamos sustentando tanta Luz agora que o ego separado pode estar perdendo o bom senso e se agarrando para sobreviver. Vejam vocês, o ego separado pensa que está morrendo. O que realmente ajuda é não apenas render-se ao que é, mas entrar em meditação e invocar o ego separado.

Normalmente ele surge como uma criança que mal começa a andar. Vocês podem segurar o seu ego, embalá-lo e garantir-lhe que ele pode vir junto, que nada há para temer e que a vida será muito melhor, e que ele pode liberar e ser amado, e que não precisa trabalhar tanto para protegê-los.

“Renda-se pequeno ego”

Vocês podem ainda, visualizar Luz em todas as suas células, para que deixem de resistir e se abram para criar o Novo em seu corpo físico. Como vocês sabem, as células possuem memórias. Mesmo quando são recriadas, a cada sete anos, a menos que tenham um novo programa, elas simplesmente recriarão os antigos programas reiteradamente.

Portanto, ajudar nossas células a perceber que estamos criando um novo corpo é essencial. Nossas células possuem consciência. Quanto mais vocês praticarem estar no Novo, mais rápido as células adotarão o Novo e criarão a Totalidade em um sentido físico. Conforme elas liberam a antiga programação, também liberam as toxinas e, consequentemente, vocês podem muito bem enfrentar uma doença, quando essa transformação ocorrer.

Conforme compartilhei anteriormente, continuamos a concentrar-nos nos relacionamentos. Todos os tipos de relacionamentos: família, colegas, romântico, amigos… de qualquer maneira que vocês se conectam ou se desconectam. Todos eles deixam brilhar uma luz naquilo que ainda não foi integrado.

Se o espelhamento é algo de que vocês não gostam em si mesmos, ou alguma coisa que vocês amam e admiram no outro, tudo é sobre vocês. Se houver medo ou insegurança, ou julgamentos ou carência, essa é uma oportunidade para se entrar em contato com o que os demais projetam em vocês. A projeção é o que a pessoa faz quando não está consciente do que está em seu interior.

O propósito mais elevado é entrar em contato, com o que se projeta no outro, e que o outro, então, reflete de volta aquilo que alguém que projeta não está consciente. Na maior parte do tempo, eles não vão aceitar que isso faça parte deles e então culpa o outro, ou, no caso de algo admirável, pensam que eles nunca poderiam ser tão maravilhosos.

Em ambos os casos, a essência da aceitação e da Totalidade são importantes para integrar, à medida que a aceitação ajuda-os a se verem de modo mais claro e a totalidade ajuda a demostrar o que eles mantêm, conforme refletido pela pessoa que eles põem em um pedestal. Conforme aceitamos a responsabilidade para todos experimentarmos, nos encaminhamos para mais Unicidade e mais autenticidade.

À medida que observamos todos os nossos relacionamentos, nos perguntamos se estamos nos comunicando a partir do amor, da honestidade e da integridade. Quando nos comunicamos (falando ou escutando) em amor, honestidade e integridade, entramos em contato com qualquer área em nós mesmos que ainda busque a aprovação dos demais ou que esteja sob o julgamento de outros, ou em manipulação a fim de obter o que queremos.

Portanto, pode haver a volta de alguns relacionamentos, ou os padrões no relacionamento, de modo que possamos remover o padrão de dentro de nós. Então, claro, podemos fazer uma escolha quanto a se é para nossa evolução mais elevada estar nesse relacionamento ou não.

Mesmo se vocês virem que estão em diferentes caminhos ou níveis de vibração, a conscientização importante é descobrir o que a outra pessoa está mostrando para vocês, que é um espelho para o que ainda está em seu interior. Isso pode ser de outras vidas, em que vocês vão reconhecer a pessoa e não sabem por que existe uma conexão tão forte, ou de alguém nesta existência.

Lembrem-se de que isso não diz respeito apenas a relacionamentos românticos. Quando vocês conseguem ver a beleza e a perfeição do outro, independentemente da sua escolha, então, saibam que curaram/integraram essa parte sua e integraram a sua própria beleza e perfeição.

Se vocês se sentirem vitimizados ou julgados, ou algo que não seja o amor, então, saibam que o outro está simplesmente deixando brilhar uma luz naquele padrão de modo que vocês possam transformar essas emoções, padrões e crenças inferiores em amor.

Quando puderem compreender o propósito superior de todos os relacionamentos, em pouco tempo vocês se elevarão em compaixão, amor e liberdade. Os apegos se dissipam de modo que vocês sejam livres para escolher, em vez de vir de um lugar de compulsão, ou porque vocês são “obrigados” a isso. (No Novo não existem “obrigações”).

Se constatarem que estão repetindo antigos padrões, não se julguem duramente. Em vez disso, sejam compassivos consigo mesmos. Leva tempo e requer esforço liberar os padrões que vocês tiveram durante existências. Vocês continuarão a criar situações que ressaltem o padrão que quer ser dissipado até que seja transformado em amor.

Devido ao fato de estarmos integrando a Mente Elevada agora, estabelecer limites para si mesmos é mais fácil. Vocês serão capazes de se comunicar de modo mais claro e serão mais honestos com os seus desejos e com o que não está certo para vocês. Integridade é o alinhamento com o seu Eu Superior/Alma. Claro, vocês podem escolher não fazer essas coisas se decidirem não estar em relacionamento com qualquer pessoa determinada. Portanto, isso não está gravado na pedra, porque somente vocês sabem em que direção seguir.

Muito é revelado agora, o que torna a sua escolha mais fácil. Quando as coisas estão ocultas, é difícil saber que direção tomar. Contudo, vocês sentirão que algo está errado, o que é a beleza da Mente Elevada. Ninguém pode mentir ou esconder algo de vocês, sem que vocês intuam. Vocês sentirão isso, independentemente de conhecer os detalhes. Assim, procurem discernir, e em caso de dúvida, não façam nada. Observem. Isso é verdadeiro para tudo na vida, não apenas nos relacionamentos.

Absolutamente tudo é para a sua evolução mais elevada. Nunca duvide disso. Se vocês se sentirem solitários e desconectados ou amados e aceitos, onde quer que estejam, é solo sagrado e é exatamente onde vocês precisam estar para o seu desenvolvimento mais elevado e verdadeiro.

Abram-se e recebam o amor que constantemente está fluindo em sua direção.

Direitos Autorais: Kara Schallock

Site original: http://www.soulsticerising.com

Tradução de Ivete Brito – adavai@me.com – www.adavai.wordpress.com

A Astrologia e a ciência dos chakras têm algo essencial em comum: ambas lidam com vibrações, com o estudo de diferentes intensidades e ritmos dessas “palpitações sutis” em nossas dinâmicas internas.

São vibrações não visíveis ao olho comum, mas que nem por isso deixam de se inter-relacionar e influir em tudo o que podemos perceber a “olhos nus”.

Estudar o comportamento dos signos astrológicos possibilita entender muito sobre o funcionamento e função dos chakras e observar os chakras possibilita decifrar alguns dos mistérios – aparentemente indecifráveis – dos signos. 

Pessoas diferentes entendem a relação entre chakras e signos com lógicas e mapeamentos diferentes, a mais comum é a que relaciona saturno ao primeiro chakra, júpiter ao segundo, marte ao terceiro,vênus ao quarto, mercúrio ao quinto, sol ao sexto e lua ao sétimo, dessa maneira, defendendo quequanto mais lento o planeta, ele estaria relacionado a um chakra mais “baixo” e quanto mais rápido, a um chakra mais alto.

Respeito essa leitura, foi a primeira que me deram mas, nos últimos 25 anos dirigi grupos de trabalho com chakras, onde sempre levantei os mapas astrológicos de todos os envolvidos e os acompanhei no dia-a-dia tentando perceber o que acontecia em seus mapas astrológicos e com sua evolução na sensibilização e vitalização dos chakras. 

Cheguei de início a uma relação diferente e desde então venho reiteradamente observando o quanto as resposta é mais efetiva na prática, na vida de quem trabalha seus chakras.

Foram cerca de mil e seiscentos participantes nesses grupos e acredito que já seja hora de compartilhar as conclusões, entendendo que devam ser experimentadas por quem busca desenvolver e harmonizar seus chakras, para que cada um tire suas conclusões a partir da própria experiência, mais do que a partir de uma teoria. 

No sistema que adoto, os seis primeiros chakras refletem todas as dualidades que carregamos em nós e com as quais nos defrontamos diariamente.

Esses seis primeiros chakras estão ligados, cada um, a dois signos complementares. Esses signos complementares refletem as duas polaridades básicas do chakra. 

O primeiro chakra por exemplo, o muladhara, mula em sânscrito significa “raiz” e adhara significa “base”. Ele está relacionado aos signos de Capricórnio e Câncer. Câncer está ligado às nossas raízes emocionais e Capricórnio ao estabelecimento de fundamentos concretos para aquilo que pretendemos realizar.

Como das raízes da árvore depende a sua solidez e segurança, ambos os signos e o chakra estão sempre voltados para esse tema e o medo da sobrevivência se torna o principal medo ligado ao muladhara.

Um primeiro chakra bem desenvolvido dá à pessoa condições para que assuma responsabilidade sobre o próprio destino; quando inibido, esse chakra leva a pessoa a se fechar em seu casulo e tornar-se arisca a contatos diretos que exponham seu emocional.

O primeiro chakra atrofiado torna a pessoa uma fácil vítima da culpa e do medo, levando-a a apequenar e reduzir seus objetivos e alcances. Quando a energia desse chakra flui sem empecilhos a pessoa é capaz de coordenar sonhos com realizações da maneira mais positiva possível. 

O segundo chakra está sintonizado aos signos de Virgem e Peixes. Seu nome, swadisthana, significa “a sua morada”. No Oriente se diz que nessa região do seu corpo mora o seu buda interno.

Assim como o signo de Virgem, esse chakra rege os intestinos, órgão que filtra o que nos serve e devolve ao Universo o que não nos é apropriado. Assim, o swadisthana quando ativado e harmonizado, proporciona uma infinita capacidade de discernimento.

Discernimento é a qualidade essencial de um buda. Virgem e Peixes são dois signos perfeccionistas e é dito que aí mora nosso buda interno pelo constante compromisso com a constante auto-elaboração e auto-aperfeiçoamento que o chakra quando acordado estimula. 

O terceiro chakra chama-se Manipura, que significa “jóia brilhante” e está ligado aos signos de Áries e Libra, dois signos impulsivos, capazes de se atirar na realidade como a mariposa quando se sente atraída pela luz.

Se o primeiro chakra era a raiz de nossa árvore, o segundo é o momento em que essa raiz se divide em duas e o terceiro, o momento em que a planta sai buscando seu lugar ao Sol. Dessa maneira, é um chakra ligado à auto afirmação (Áries) ou à afirmação de nossos projetos coletivos (Libra).

É o chakra do guerreiro (Áries) e do general (Libra) e sempre fonte de estímulo para irmos à frente, estímulo que pode ser canalizado para propósitos pessoais (Áries) ou coletivos (Libra). 

O quarto chakra está ligado a Leão e Aquário, é o chakra do coração, sempre vivo em nossas relações amorosas (Leão) e de amizade (Aquário). Nesse chakra temos que decidir quanto à questão básica do Leonino, se viveremos em função de nosso orgulho ou de nossa auto-estima. O coração tem também outra dimensão, a da coragem.

A palavra “coragem” vem de “core”, âmago, a mesma raiz de coração. É aí que mora a coragem do revolucionário ou do rebelde (dimensões aquarianas).

É esse chakra desenvolvido que nos dá uma visão otimista e positiva da vida (Leão) mas também com visão humanista e noção de como relacionar-se com o outro preservando a própria liberdade e independência (Aquário). 

O quinto chakra está ligado aos signos Touro e Escorpião. Localizado na garganta, pode se dizer que o Escorpião é a polaridade mais presente na nuca, fonte de uma inacabável criatividade, enquanto Touro está relacionado à parte da frente do chakra, ligada ao senso estético, mas também à vaidade.

Quem vive na superfície desse chakra, tende a se preocupar com a forma e gerenciar sua vida de maneira conservadora e apegada.

Quem se torna consciente das camadas mais profundas do chakra, passa a ter uma capacidade infindável de avaliação da realidade e de desprendimento. Quem vive na superfície desse chakra tende a se tornar obediente e um bom executor. Quem vive na profundidade, costuma questionar a legitimidade da autoridade de quem tenta regê-lo ou se aproveitar dele.

Quem vive na parte anterior do chakra, tem grande capacidade de dedicação por aqueles e por tudo o que gosta, mas costuma empacar quando não gosta de alguém ou de algo.

Quem vive na parte mais essencial e posterior do chakra, mostra sempre enorme capacidade de superação e uma intensidade de compromisso com o que faz, que torna o aparentemente impossível em possível. 

O sexto chakra está ligado aos signos de Sagitário e Gêmeos. Mais popular no Ocidente como chakra da “terceira visão” ele está ligado à intuição, à capacidade de lidar com os componente sutis do que nos está perto (Gêmeos) e distante (Sagitário).

Quando desenvolvido e harmonizado esse chakra, ele nos deixa objetivos e com senso de direção (Sagitário) ao mesmo tempo em que nos torna capaz de traduzir o que a pessoa mais simples diz para a mais sofisticada e vice-versa (Gêmeos).

Ele é chamado por muitos de chakra da fé (Sagitário) capaz de concretizar o suposto “inconcretizável”. No tantra se diz que esse chakra desenvolvido torna tudo possível para você, que basta que você queira as coisas e elas acontecem.

Assim como acontece com pessoas que se relacionam bem com se Júpiter, planeta de Sagitário.

Por outro lado é um chakra que pode se tornar ligeiramente perigoso para quem o desenvolve sem ter uma base emocional sólida, uma vez que ele nos dá uma incrível capacidade de manipular o que nos rodeia (Gêmeos). É o chakra onde chegamos à beira de transcender a mente (Gêmeos e Sagitário). 

Os seis primeiros chakras administram todas as nossa dualidades internas. Quando chegamos ao sétimo, experimentamos a dissolução de nossa noção de identidade e de todos os nossos valores, crenças, certezas, medos, desejos, e todas as outras criações da mente e do ego.

Dessa maneira, esse chakra não se liga a nenhum planeta particular, uma vez que todos os planetas incorporam as qualidade de uma polaridade de algum eixo.

O sétimo está ligado ao centro de nosso mapa astrológico, o lugar onde encontramos o constante equilíbrio e harmonia entre todas as nossas polaridades e facetas.

Chegar à ele é experimentar a liberdade última possível a um ser humano, a liberdade de todas as ilusões e a felicidade que a lucidez em sua dimensão ampla é capaz de oferecer.

?Por: Pedro Tornaghi?


A JORNADA

Queridos Arcturianos:

Vocês podem nos dizer o que está acontecendo?

Amados:
Nós respondemos para você e para todos os que lerem esta transmissão.
SIM, algo que ESTÁ acontecendo para TODOS VOCÊS.
Todos estão recebendo as frequências mais altas da energia que está entrando em e pelos seus corpos de uma maneira desconhecida de transmutação.

Vocês poderiam dizer que a cobertura protetora do campo de energia dimensionalmente inferior que foi colocada ao redor de seus corpos no nascimento está começando a desaparecer.
Ninguém sabe sobre essa cobertura protetora, pois é um componente natural da sua anatomia física.

Entretanto, sua anatomia está transmutando da frequência tridimensional física que vocês sempre conheceram para uma frequência ligeiramente mais alta que vocês podem chamar de etérea.
Entretanto, visto que vocês experimentam a maior parte do mundo em relação à sua percepção do mundo, vocês podem não perceber essa alteração porque o mundo está mudando junto com vocês.

Agora, é aqui que nosso termo “todos vocês” muda.
Nem todos vocês, significando a humanidade como um todo, terão esta mesma experiência.
Além disso, todos vocês NÃO terão essa experiência no mesmo AGORA.
Portanto, inicialmente nós falamos para os nossos voluntários que assumiram uma forma física para assistirGaia.

Vocês, nossos voluntários que usam corpos humanos constituídos dos mesmos elementos que o corpo planetáriode Gaia, assumiram essas formas porque se voluntariaram para viver em “coordenação ou sincronização de ritmo” (entrainment) com Gaia.

Quando vocês vivem em entrainment com o planeta, quando vocês transmutam os elementos de seu próprio corpo humano em uma frequência mais alta, vocês assistem Gaia na transmutação de Seu corpo planetário em uma frequência mais alta.

Simultaneamente, quando Gaia transmuta Seu planeta em uma frequência mais alta, vocês permanecem em alinhamento/entrainment com a frequência mais alta da Terra.

Portanto, quando vocês permitem que esses campos de energia mais alta transmutem seu corpo humano, vocês o fazem em parceira com Gaia.
Simultaneamente, quando o corpo de Gaia transmuta em uma frequência mais alta, vocês permanecem em alinhamento com essa alteração.

Tal como inicialmente seria lento fazer uma pedra mudar do local que ocupou por um longo “tempo”, é lento começar a dinâmica da recalibração da frequência central do seu corpo.

Nós dizemos “frequência central” porque essa alteração começa de dentro do núcleo de sua espinha e lentamente abre seu caminho para a periferia do seu corpo.

Muitos de vocês têm sentido sua Kundalini despertar dentro do núcleo de sua espinha já há um bom tempo.

Agora, essa sensação está começando a fluir para cima e para baixo em sua espinha, e vocês a estão sentindo em seu corpo inteiro.
Entretanto, seu cérebro tridimensional não está calibrado para receber essa informação.

Se vocês expandirem sua consciência para a consciência tetradimensional em onda Alfa, vocês sentirão uma sensação de formigamento em seu corpo, junto com um zumbido em seus ouvidos que parece mais alto todos os dias.

Esse som parece ser “zumbido” porque seu cérebro tridimensional não pode traduzir os sons dessa realidade dimensionalmente mais alta.

Por exemplo, vocês podem ouvir uma mensagem em 8.000 Hz, mas não haverá “tom” para ela.

Sua audição 3D provavelmente experimentará essa frequência como um zumbido.
Entretanto, muitas das crianças do seu AGORA nascem com a capacidade de calibrar sua atenção às frequências mais altas para que elas possam conscientemente percebê-las.

A maioria dos ouvidos das gerações mais velhas somente está calibrada para ouvir a frequência central dos sons de 500 Hz a 4.000 Hz.

Acima ou abaixo dessas frequências seu eu físico somente pode ouvir um zumbido das frequências mais altas e uma sensação em seu corpo inferior para as frequências mais baixas.

É igual para sua visão física.
Tal como seu vaso terreno apenas pode ouvir o central/meio alcance, ele somente pode perceber as visões centrais.

É o AGORA em que seu Eu Superior interno os está assistindo na recalibração de suas percepções por recalibrar sua consciência.
Todas as percepções são baseadas no seu estado de consciência.
Quando sua consciência ressoa às ondas Beta, vocês somente podem perceber o mundo físico tridimensional.

Quando sua consciência ressoa às ondas Alfa, vocês podem perceber a realidade tetradimensional, mas somente se vocês desativarem suas percepções tridimensionais (tal como fechar seus olhos).

Em todas as suas encarnações desde a queda de Atlântida, vocês têm sido ensinados a acreditar que somente suas percepções físicas 3D seriam reais.

Durante o auge de Atlântida e antes, a frequência de ressonância de Gaia era mais alta.
Portanto, os humanos podiam facilmente perceber a quarta dimensão enquanto acordados em sua vida diária.

Após a quase destruição de Gaia da queda da Lemúria e então da queda de Atlântida, a frequência da Terra desceu para a terceira dimensão.

De lá para frente, a maioria dos humanos somente podiam perceber a quarta dimensão enquanto seu corpo físico estava dormindo e durante a meditação.

A razão para esta mudança dessa percepção é porque a maneira em que a forma se anexar a uma dada realidade é alinhar a consciência com a frequência dessa realidade.

Por exemplo, há uma versão pentadimensional da Terra, mas vocês somente a percebem quando sua consciência está calibrada à quinta dimensão.

Entretanto, porque a consciência coletiva da Terra está subindo, mais de vocês estão começando a perceber essa Terra pentadimensional enquanto estão em meditação profunda.
Porque vocês estão usando um corpo tridimensional, vocês somente podem perceber a Terra pentadimensional enquanto sua consciência está calibrada à frequência da quinta dimensão.

Além disso, porque vocês têm o “hábito” e a “crença” de que “somente o mundo físico é real”, seu cérebro 3D interpreta suas experiências na Terra pentadimensional como “sua imaginação” ou um “sonho”.

Um dos componentes mais desafiadores de sua ascensão será ignorar os sinais de seu cérebro físico e prestar atenção aos sinais de sua mente multidimensional.

A dificuldade é que vocês não podem ver a mente multidimensional porque as frequências mais baixas não podem perceber as frequências mais altas.

Claro, vocês também não podem ver seu cérebro físico porque ele está enclausurado no seu crânio.

Entretanto, visto que seu “cérebro físico” faz parte da realidade de consenso, todos sabem que têm um cérebro e que eles imediatamente morreriam sem ele.
Então, todos acreditam que têm um cérebro físico embora não possam vê-lo.

Por outro lado, NÃO faz parte da realidade de consenso tridimensional que todos têm uma mente multidimensional.

Mas, visto que as dimensões mais altas podem perceber a mesma frequência ou as frequências mais baixas, vocês PODEM perceber sua mente multidimensional através de suas percepções pentadimensionais.

Seu eu pentadimensional poderia também olhar pelo seu crânio 3D para enxergar seu cérebro.

Na verdade, seu eu pentadimensional pode facilmente perceber seu eu 3D inteiro, mas seu eu físico não pode perceber seu eu pentadimensional.

Mas, se vocês têm um sonho ou meditação dimensionalmente superior, sua consciência expandirá para a quinta dimensão e vocês serão capazes de perceber seu Corpo de Luz pentadimensional.

Felizmente, sua consciência se expande além de seu corpo físico quando vocês dormem ou quando estão em meditação profunda.

A vantagem da meditação é que vocês podem documentar o que ocorreu durante ou logo após vocês retornarem à sua consciência tridimensional.
Portanto, mesmo que vocês provavelmente esquecerão o que aconteceu enquanto nos estados mais altos de sua meditação, vocês terão a “prova” de que experimentaram.

Claro que vocês podem documentar seus sonhos, o que é muito útil.
Entretanto, vocês têm que acordar logo após o sonho ou provavelmente vocês o esquecerão enquanto seu cérebro se focaliza no mundo físico.

Durante todo o seu “tempo” vocês têm muitos “médiuns” que podem perceber os mundos superiores.
Infelizmente, pela maior parte do “tempo” entre a queda de Atlântida e seu atual AGORA, a realidade de consenso não acreditava que essas pessoas eram legítimas.

Os humanos que conscientemente podiam experimentar as dimensões superiores normalmente eram rotulados com nomes depreciativos e frequentemente eram punidos ou mortos.

As forças escuras da humanidade que governaram por muitos anos após a queda de Atlântida, somente podiam perceber a terceira dimensão porque a consciência deles estava baixa demais.

Consequentemente, se alguém podia perceber o que os escuros NÃO podiam perceber, a autoridade dessa pessoa seria questionada.

Pior ainda, os escuros normalmente proclamavam que as energias “mediúnicas” eram do demônio.
O que é interessante por que o “demônio” é o próprio ser que os escuros podem ver e normalmente venerar.

Os humanos escuros louvavam os seres do plano astral dimensionalmente inferior porque esses seres ressoavam à uma dimensão ligeiramente superior do que a deles.
Esses seres do astral inferior podiam facilmente perceber os escuros tridimensionais e procuravam juntar as forças com eles.

Assim que esses humanos obscuros autorizaram que esses seres do astral mais baixo entrassem em sua consciência, eles ganharam o obscuro poder sobre os outros.
E em conjunto com os seres do astral mais baixo, esses humanos sombrios podiam queimar objetos físicos com sua mente, fazer mudanças no mundo físico e até entrar na mente de outras mentes de outros humanos que veneravam o poder sobre os outros.

Esses seres astrais “mortos-vivos” podiam entrar nos corpos e/ou na consciência dos humanos que os percebiam e permitiam que sua atenção se fundisse com o campo de energias do plano astral inferior.

Esses seres escuros astrais podiam mudar as formas, o que impressionava imensamente os humanos escuros e lhes davam a informação sobre o mundo físico.

Os humanos do lado escuro veneravam esses seres do astral inferior porque eles se impressionavam com o seupoder sobre os outros.

Os humanos escuros queriam ter poder sobre as outras pessoas, então permitiam que os seres do astral inferior obtivessem poder sobre eles.

Os escuros não percebiam que os seres do astral inferior apenas eram pacotes de energia que primeiro eram desenvolvidos na terceira dimensão.

Eles não sabiam que se ninguém alimentasse esse pacote de energia escura, o pacote morreria.
Eles somente sabiam que quando eles veneravam essas entidades escuras eles poderiam obter certa quantidade de controle sobre seu mundo tridimensional.

Quando esses humanos do “poder sobre os outros” morriam, eles entravam no coletivo de TODOS os seres escuros e cruéis do astral inferior que ressoavam à frequência mais baixa da aura de Gaia.

Ao longo de muitos éons de crueldade, guerra, tortura e sofrimento, o campo astral inferior de Gaia tornou-se denso com esses cruéis.

Esse plano astral inferior NÃO era preenchido com os Demônios criados por Deus, mas com os Demônios criados pela humanidade.

Entretanto, os governantes escuros disseram às pessoas ignorantes e vulneráveis que Deus criara esses Demônios que criariam grandes males a elas e a suas famílias se eles não obedecessem.

Visto que esses governantes escuros tornaram-se líderes de sua comunidade ou até de sua igreja, as pessoas começaram a acreditar que o poder sobre os outros era um bom modo de ser um líder.

O que está ocorrendo neste AGORA é que o pêndulo começou a pender da polaridade da escuridão para a polaridade da luz.

A parte difícil de uma realidade tridimensional polarizada é que ela pode permanecer na escuridão por um longo “tempo”.

A parte maravilhosa de uma realidade tridimensional polarizada é que ela no final retornará à Luz.

Um dos principais pontos de viragem começou em agosto de 1987 com a Convergência Harmônica.

A principal razão da Convergência Harmônica se tornar um ponto de viragem foi porque muitos humanos se reuniram para meditar pelo amor, paz e luz e eles criaram uma alteração na realidade tridimensional de consenso.

Essa força coletiva de formas-pensamento positivas e amorosas que foi criada pelos humanos ajudou a “virar a maré” da consciência de separação para a consciência de unidade.

Esse campo de energia coletiva também deu ignição à esperança nos corações da humanidade.

E também marcou o início do desaparecimento dos escuros.
Nós sabemos que as décadas desde o final dos anos 1980 até o seu AGORA pareceram eternas para aqueles que viviam pela propaganda “em quem você confia?”.

Nós dizemos a TODOS vocês, quem vocês deveriam confiar é em sua própria expressão dimensionalmente superior do EU.

Tal como vocês aprenderam a meditar pela unidade e paz, por favor, lembrem-se de meditar para UNIFICAR-SE com seu próprio EU dimensionalmente superior.

Seu eu superior os manterá ancorados nas dimensões superiores, como também lhes proporcionará uma frequência segura em que vocês podem relaxar.
Porque a ganância, escuridão, guerras e mentiras governaram seu mundo por tanto tempo, é fácil vocês ficarem impacientes.

Por favor, lembrem-se de que a impaciência é uma forma de medo que pode baixar sua consciência.
Porque vocês percebem as realidades que ressoam à frequência de seu estado de consciência, garantam manter sua consciência na quarta dimensão mais alta e na quinta dimensão.

Então, se vocês ficarem temporariamente desorientados nos medos e na escuridão do passado, seu próprio EU Superior os assistirá na permanência em constante contato com o amor incondicional e a luz multidimensional das dimensões superiores.

E mais importante: o que você percebe é o que você acredita.

Se você acreditar que seu mundo está cheio de medo, raiva e tristeza, é isso o que seu cérebro 3D procurará.

Seu cérebro 3D tem um acordo com seus pensamentos no qual seu cérebro acreditará no que seus pensamentos dizem a ele para acreditar.

Se vocês somente têm pensamentos de como a vida é difícil, seu cérebro 3D buscará por percepções que provam esses pensamentos.

Neste caso, seus pensamentos e percepções lhes provarão que o mundo é um lugar escuro e assustador.

Por outro lado, se vocês acreditam que a vida é boa e que todos os dias seu mundo está fazendo o seu melhor para criar uma realidade melhor, seu cérebro dirá às suas percepções para buscar provas de que o mundo é bom e está melhorando todos os dias.

Nós temos a esperança de que vocês agora possam entender melhor como VOCÊS são os criadores de sua realidade.

Tudo que vocês podem conceber existe, mas vocês somente perceberão se vocês acreditarem.

Além disso, se vocês acreditam que algo existe, seu cérebro tridimensional, ou sua mente multidimensional, os assistirá na experiência daquilo que vocês não podiam perceber antes de acreditar.

Por exemplo, quando seus pensamentos dizem “a vida é boa” ou “a vida é ruim”, seu cérebro 3D inicia uma busca para encontrar a prova de que seus pensamentos estão corretos.

Claro, às vezes a vida É boa e às vezes a vida É ruim.
Essas duas realidades existem simultaneamente nos milhões e trilhões de versões de realidade.

Vocês vivem numa loja enorme em que vocês podem “comprar” qualquer realidade.

Cada realidade ressoa a determinado estado de consciência.
Vocês descem e sobem pelo elevador dessa loja por alterar os estados de sua consciência.
Se vocês desejam “comprar” uma realidade pentadimensional, vocês precisam calibrar sua consciência à quinta dimensão.

Vocês se lembram de quando vocês eram UM com seu eu dimensionalmente superior e escolheram “comprar” a aventura de uma realidade tridimensional?
Vocês acreditavam que poderiam assistir Gaia, então vocês entraram nessa aventura.

Então, levou mais encarnações e/ou mais decepções do que vocês poderiam contar para realizar sua missão.
Felizmente, agora vocês estão se conectando com seu EU dimensionalmente superior pelo labirinto da vida eascensão além das ilusões da terceira dimensão.

Bênçãos, Queridos.
Nós estamos AGORA com vocês.

Os Arcturianos e sua Família Galáctica

Fonte: http://suzanneliephd.blogspot.com

Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com

Amados Filhos,

Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.

Crer, este é o verbo que devereis conjugar e manifestar neste tempo.

Crer na divindade que sois e crer no poder de que sois dotados, crer para agir.

Longa ainda é a distancia entre o pensamento e a ação em vosso plano.

Pensais, mas não colocais em prática aquilo que vossa mente expressa e que vosso coração endossa.

Porque, perguntais?

Por medo, medo do desconhecido, medo que decorre da incerteza que pesa no momento de escolher, medo de agir.

O medo precisa ser transmutado na fonte infinita do amor, eis que só o amor traz em si a certeza de quem sois e o que precisais fazer para ser feliz.

Vosso destino é ser feliz; sim, ser feliz!

Porque, então não cumpris vosso destino.

O Pai não vos deu a vida para que vivessem alimentados pelo sofrimento e pela dor; a vida vos foi doada para que pudesses revelar a perfeição contida em vossa filiação.

Revelar a perfeição exige de vós manifestardes todo vosso potencial divino.

Todos vós recebestes do Pai as mesmas ferramentas, as mesmas oportunidades, a mesma bagagem repleta de luz.

É hora de usar o conteúdo de vossas bagagens, é hora de buscar resgatar a sabedoria que contém todas as respostas, é hora de reconhecer a ilusão em que mergulhastes, para emergir para o mundo da verdade, mundo onde as escolhas cessam porque na luz não existe dualidade, não existe certo ou errado, não existe escuridão.

Na luz existe plenitude, igualdade, compreensão, liberdade; luz é amor.

Viver no amor é vossa herança; aceitai esta verdade, buscai concretizar essa verdade, aceitando os desafios, aceitando as mensagens liberadas por vossos corações, buscando concretizar as escolhas de vossas almas com muita fé e determinação, a fé na grandeza de vossa filiação, e a determinação daqueles que já resgataram o sentido maior de suas passagens na Mãe Terra.

A Mãe Terra vos oferta todas as condições que precisais para cumprirdes a trajetória que vos leva a concretizar a plenitude do Pai.

Sejais gratos a Ela, ajudando-a a se recuperar das mazelas impingidas pelo homem, alimentando-a com amor e cuidados, preservando a beleza que restou, e ajudando a implantar a beleza dizimada pela ganância de muitos de vossos irmãos.

O equilíbrio precisa retornar ao ventre da Mãe Terra, para que as catástrofes a que chamais de “naturais” possam ser acalmadas, para que não aja mais necessidade do sacrifício de tantas vidas, para que a pureza que Ela continha no princípio da jornada do ser humano seja recuperada, e com ela a beleza do paraíso.

Sim, a Mãe Terra é o Paraíso!

É na Mãe Terra que o estado de plenitude que revela a felicidade será vivenciado por todos vós, não importa a raça, não importa a crença, não importa a condição.

Auxiliai, pois a Mãe Terra a se curar de todas as dores que o homem a Ela impingiu, resgatando o vosso equilíbrio, vivenciando a alegria de viver, aceitando os desafios sem se importar se eles vos trarão vitórias ou derrotadas, mas alimentando a certeza que tudo faz parte do vosso aprendizado.

Que a luz volte a clarear vossas mentes e corações, que a paz se instaure em vossas vidas, que a alegria retorne e com ela a leveza de ser, e que o amor se expanda, em total abundância, por todos os recantos da Mãe Terra, para que tudo volte a revelar a perfeição do Criador.

Bem amados, Eu vos deixo agora derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos no meu manto de proteção, porque Eu Sou Maria, Vossa Mãe.

Mensagem de Mãe Maria – Recebida por Jane M. Ribeiro

http://br.groups.yahoo.com/group/maemaria/


É necessário que tomemos consciência que todos os problemas Humanos nascem a partir do interior de cada SER ou seja do CORAÇÃO de cada um, dependendo da forma como se expressa perante a VIDA, portanto podemos assim verificar quais os efeitos produzidos ao nível da saúde de cada indivíduo, e que estão intimamente relacionados com os nossos COMPORTAMENTOS do dia a dia. Resta apenas referir que mais de 95% das doenças que nos atormentam têm origem psicossomática, causadas pela forma como vivemos as nossas EMOÇÕES.

A CURA INTEGRAL DO SER

Toda a Vida Humana se baseia nos seguintes aspectos:

Espiritual, Mental, Emocional e Físico. Para encontrarmos equilíbrio na nossa Vida, precisamos de curar, desenvolver e integrar todos estes aspectos dentro de nós. – O nosso aspecto Espiritual é a nossa Essência Interior, a nossa Alma, a parte de nós que existe para além do tempo e do espaço. – O nosso aspecto Mental é o intelecto, ou seja a nossa capacidade de pensar e raciocinar. Este nível Mental na nossa existência consiste nos pensamentos, atitudes, crenças e valores. – O nosso aspecto Emocional é a nossa capacidade de exprimir a vida profundamente e de nos relacionarmos uns com os outros e com o mundo ao nível dos sentimentos. – O nosso aspecto Físico é o nosso corpo físico. Ele representa a nossa capacidade de sobreviver e evoluir no mundo material. É necessário cuidar do nosso corpo aprender com os sinais que ele nos dá, usufruir do prazer que ele nos proporciona, ter capacidade de viver de forma confortável e em segurança no mundo que habitamos.

Todos estes aspectos são de extrema importância, para o nosso desenvolvimento e evolução, não devemos dar menos atenção a nenhum deles, isto se n os quisermos sentir completos e levar vidas saudáveis e reconfortantes, por isso teremos sem dúvida nenhuma, de dar atenção à CURA e Desenvolvimento de cada um destes aspectos.

Não é necessário que se comece o desenvolvimento por um aspecto específico, como já disse todos são importantes e estão inter-relacionados, por isso qualquer trabalho que façamos num, reflete-se noutro, o mais importante é mesmo fazer, uma autoanálise sobre cada aspecto, e perceber aquilo que realmente é necessário mudar em NÓS para que nós possamos Desenvolver e CURAR.

DEIXO AGORA UM EXEMPLO DE COMO AVALIAR ESTES QUATRO ASPECTOS

– Relaxe e tire alguns minutos para estar só, e pense calmamente em cada um dos aspectos mencionados anteriormente e avalie o que será necessário modificar em cada um deles.

Alguns sub-aspectos a considerar:

No Espiritual – Ter um sentido de ligação com a Fonte Espiritual. Ter a capacidade estar só e passar esse tempo com tranquilidade, apenas SER, em cada momento. Ter relacionamento constante com a sua Sabedoria Interior. Ter momentos em que o sentido do UNO se torna consciente. Ter a capacidade de compreender qual a verdadeira identidade do SER.

No Mental – Estar satisfeito com o seu intelecto, exprimir-se com facilidade e clareza. Ter consciência de que as crenças que estão presentes funcionam a seu favor permitindo o desenvolvimento. Estra aberto à Mudança.

No Emocional – Ter capacidade de enfrentar os sentimentos e ser capaz de os exprimir. Ter a capacidade de sentir todas as emoções sem fazer distinção entre elas. Ter facilidade de se relacionar com os outros em todas as áreas da vida.

No Físico – Ser saudável e ativo. Gostar do corpo e sentir-se bem nele. Ter prazer na sua sexualidade. Sentir-se bem no mundo da materialidade. Ser uma pessoa prática, e financeiramente estável.

Após esta análise pode verificar quais os aspectos que necessitam de um pouco mais de atenção. Claro que isto é apenas um exemplo de como fazer essa pesquisa, por isso deve usar qualquer meio que ache correto e que se adapte mais à sua sensibilidade, desde que seja sentido com o todo o AMOR pelo seu CORAÇÃO.

Fiquem na minha PAZ

EU SOU A VOZ DO CORAÇÃO

EU SOU

MARLIZ

http://nave-azul.blogspot.com/

Hoje nós escolhemos falar do assunto de segurança.

Então, naturalmente, nós começaremos por uma observação do medo.

O medo é um dos maiores obstáculos.

Para muitos ele é um constante companheiro.

No fim das contas, ele é uma falta de fé em si mesmo, no futuro e uma falta de compreensão e fé no universo em si.

Vocês não ouviram por toda a sua vida que sua vida em si é eterna?

Não importa onde vocês estão, não importa qual é sua fé, até se vocês acham que não têm fé, isso é algo que é uma parte profunda de seu ser.

O saber profundamente isso em sua consciência é a razão para ser disseminado por todas as religiões do mundo. E ainda vocês têm medo.

É claro que ninguém gosta de dor física.

Ninguém gosta de sofrimento.

Todos desejam ter abundância, alegria, liberdade.

Ninguém deseja perdê-las quando as experimentam.

O medo de que estamos falando é o seu medo máximo.

Vocês têm medo da morte.

Vocês dizem que acreditam que não existe morte, mas vocês têm medo da morte.

Agora, é verdadeiro que a mente física tem uma reação de medo à dor e deseja viver, mesmo até em seu último instante.

E também é verdadeiro que de longe o maior número de vocês se identifica com o corpo que vocês habitam.

Mesmo se vocês estudassem e acreditassem em um grande número de ensinamentos que dizem que vocês não são esse corpo, vocês ainda se identificam com ele.

Vocês sentem como se vocês estão dentro desse corpo e que vocês não estão fora dele.

Pelo que isso possa valer, nós lhes dizemos que vocês estão fora dele e que ele está dentro de vocês.

Mas nós estamos falando de segurança, de garantia.

Como vocês podem encontrá-la?

E se vocês pudessem viver em um saber constante de que nada poderia tirar essa vida de vocês ao invés de viver numa sensação constante de estar em perigo de perder sua vida?

Pensar assim ajudaria? Não realmente.

Professar isso? Vocês professam.

Funciona? Não realmente.

Fé cega? Parece não funcionar tão bem, não é?

O que produz confiança real é a experiência.

Isso não parece verdadeiro?

Na verdade, é por isso que aqueles que tiveram o que vocês chamam de quase morte mudaram para sempre.

Então vamos todos nos apressar e ter uma dessas experiências.

Por favor, não tentem isso em casa.

Agora, se vocês pudessem experimentar as lembranças de terem vivido várias vidas antes, se vocês pudessem experimentar a lembrança de estar fora de seu corpo e ainda estar aqui e falar sobre ela, isso ajudaria?

Claro que ajudaria.

Isso não é a maior parte do que acontece com aqueles que vocês chamam de especialistas das muitas práticas espirituais, como vocês as chamam?

Quando alguém experimenta essas coisas, uma grande carga é tirada dele.

Vejam vocês, agora ele sabe que não é o corpo dele.

Ele sabe que ele vive com ou sem o corpo.

O corpo é somente uma criação que permite experiências físicas.

E ele começa a aprender que sua experiência total é muito mais do que física.

Como os humanos terrenos progrediram recentemente, há muitos métodos que se tornaram muito populares de alcançar essas lembranças e experiências.

Entretanto, ainda não se pode dizer que nada parecido com a maioria de vocês está nesse caminho… ainda.

Mas nós lhes dizemos que isso mudará junto com todo o resto.

Suas lembranças estão voltando.

E junto com as lembranças virá esse saber, essa certeza de que vocês são eternos, de que este momento é o único tempo que existe.

E isso é garantia.

E isso é segurança.

Confiamos que lhes demos alimento para pensar.

Estejam em paz.

Bom dia.

Copyright © Ronald Head. Todos os direitos reservados.

Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link:

http://oraclesandhealers.wordpress.com/

Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com/

O Despertar da humanidade é inevitável. Claro que já ouviu falar muitas vezes disso antes, todavia quando imerso na ilusão, dúvidas e ansiedades o assaltam quase que constantemente.

Por isso, é que necessário que eu fique a lembrá-lo, para que mantenha seu curso, independentemente da aparente falta de provas físicas no ambiente ilusório em que concentra a maior parte de sua atenção, para confirmar se o plano de Deus está se revelando conforme o pretendido.

A ilusão é um lugar em que as inconsistências florescem, novas informações surgem impregnando crenças anteriormente estabelecidas, demonstrando suas insuficiências e acelerando o ritmo dos acontecimentos.

Não admira que se sinta tão assaltado. A ilusão é um ambiente de mudança quase constante – da paz para a guerra, do Amor ao ódio, da confiança para traição – bem como inversões desses estados.

Neste momento de sua evolução espiritual – e de todos fisicamente encarnados na Terra, estão aqui para evoluírem espiritualmente – num enorme esforço mantido através da oração, meditação e do intenso desejo da humanidade de uma mudança positiva, de trocarem a violência pela não-violência, de mudarem de intermináveis estados de guerra para uma paz duradoura e da consciência crescente que isso só pode acontecer se as pessoas confiarem umas nas outras e absolutamente absterem-se de trair essa confiança.

Num breve momento, passou a considerar que é necessário trazer um estado de coexistência pacífica e harmonioso a todos na Terra, deixando bem claro que nenhum progresso pode ser feito, sem primeiro estabelecer a confiança e, para fazer isso, é evidente que todas as culturas, etnias, estilos de vida, crenças religiosas e políticas devam se respeitarem absolutamente todas,umas às outras.

A intensa necessidade egoísta de estar certo que muitos têm, a necessidade de pertencer à religião certa, o partido político certo, a nação certa, certo … (Preencha os espaços em branco!), É, como a história nunca deixa de demonstrar uma receita para o desastre absoluto, porque gasta seu tempo achando os outros errados e, assim, torná-los seus inimigos.

Em todo o mundo, quando as crianças nascem e começam a crescer, possuem egos que precisam para crescer e amadurecer, para capacitá-los a viver na Terra como pessoas sábias e equilibradas. Inicialmente, têm necessidades que não podem cumprir por si mesmos, necessidades que exigem reconhecimento e satisfação de alguém além de si e assim, têm de aprender a atrair a atenção das pessoas que estão lá para fornecer essas necessidades, onde o comportamento em busca de atenção reforça seus egos. Isto é normal.

O que não é normal, mas na verdade sempre acontece, é que esses egos, os egos de quase todas os humanos individualmente, sem exceção, são feridos e abusados, em maior ou menor grau, por seus cuidadores, durante seus anos de crescimento, até a idade adulta.

Geralmente a intenção do tutor é ensinar e não prejudicar, mas por causa do prejuízo que os tutores experimentaram, então ensinam o medo, o desamor. Inadvertidamente traem a confiança daqueles por quem são responsáveis, principalmente acreditando que “é para seu próprio bem!”

O resultado, é que os pequeninos em crescimento, experimentam a traição de sua confiança por aqueles que estão lá para alimentá-los e, consequentemente, condicionados a esperar traição e, assim, aprenderam a estar sempre em guarda. Consequentemente, a confiança não é algo que vá gentilmente oferecer para outro, uma vez que passaram por essas experiências de crescimento humano inevitáveis, sendo traídos.

Como pode a humanidade avançar, então? A única forma de avançar é confiar uns nos outros, ainda que isso pareça insano, na melhor e na pior, uma negação total da realidade. Sua experiência mostra que pessoas confiantes, crédulas, insensatas, imaturas, com falta de inteligência, são quase sempre traídas. No entanto, a razão e a lógica deixa bem claro que, sem confiança, o progresso para uma paz duradoura é impossível. Parece que a humanidade está presa numa situação do tipo “Catch 22 (*)”. Parece não haver nenhuma maneira de escapar da falta de confiança, porque, como a experiência mostra mais claramente, aqueles que confiam são sempre traídos.

No entanto, a única maneira de avançar é optando por confiar. A grande maioria das pessoas só querem viver em paz e harmonia com todos os outros. Quando esse estado é alcançado, como tem sido muitas vezes em pequenas comunidades, surpreendentes e criativos empreendimentos cooperativos são realizados e trazidos amorosamente à fruição.

No entanto, o sucesso dessas comunidades desperta ciúmes entre aqueles cujos ambientes são menos amorosos. Se olhar de perto o que acontece, verá que apenas um número muito pequeno de indivíduos gravemente feridos é necessário para perturbar uma comunidade harmoniosa, ao espalharem boatos e fofocas.

Esse é o ponto – apenas um pequeno número de indivíduos feridos, é necessário para perturbar uma comunidade, porque os outros irão ouvi-los e acreditar em suas fofocas amarguradas.

Se essa fofoca é ignorada, os fofoqueiros mudam para outro lugar, pois buscam a satisfação egoísta de destruir a harmonia e a paz que outros estabeleceram, porque eles próprios estão muito feridos. E por experimentarem intensa dor, que é principalmente negada e enterrada profundamente dentro deles, esperam atentamente por uma oportunidade de projetarem essa dor em outras pessoas para o ligeiro alívio que isso lhes proporciona.

Quando indivíduos estão muito feridos, seu único prazer é encontrado em magoar os outros. Quando conhecer ou interagir com alguém tão ferido não julgue ou condene, apenas deseje que sejam curados e envie Amor ou bênçãos. Essa é uma das suas tarefas terrenas.

Portanto, o caminho em frente é ignorar todas as fofocas e, se como alternativa tiver de confiar em seu próprio senso intuitivo que lhe diz que os outros possam ser confiáveis, confie nele! Sim, quando na ilusão, seu atual ambiente, “lar” aparente, sua confiança será traída ocasionalmente. Todavia, sendo uma ilusão, essas experiências não podem prejudicá-lo, são apenas sonhos irreais dos quais irá despertar. O caminho em frente, em direção ao seu despertar é perdoar aqueles que lhe trai!

Como disse acima, apenas um número muito pequeno de indivíduos feridos são necessários para perturbar uma comunidade. No entanto, se a comunidade se recusar a ser influenciada ou manipulada por aqueles com dor, esses esforços serão ineficazes.

Todo ser humano, todo filho amado de Deus, está permanentemente ligado ao campo do Amor divino, em que toda a criação é eternamente mantida, embora na ilusão, o que parece tão real para aqueles que vivem nela, sejam dirigidos pelo ego e pelo medo, que fazem tudo o que podem para convencê-lo de que é uma forma de vida insignificante, cuja existência é curta e sem sentido. E é claro que este é o seu propósito. Foi concebido e criado para permitir que experimentasse a separação de sua Fonte, o Deus infinitamente amoroso que o criou na alegria e em alegria.

Seu verdadeiro estado de existência – eternamente presente no campo de Amor que é Deus – é inalterável. Esteve sempre lá de onde nunca saiu. Nunca poderia sair porque não existe, como é constantemente lembrado, nenhum outro lugar. Portanto, não há nada a temer!

Como nós nos reinos espirituais continuamos a dizer através de vários canais que usamos para fazer contato com vocês, bem como através da intuição divina que cada um tem acesso a todo momento, só existe o Amor! Deus, a Fonte divina de tudo que existe, a única consciência, a Consciência Senciente Una que permeia amorosamente toda mente individual. Nunca está ausente de Deus e, portanto, o Amor é a sua verdadeira e inviolável natureza. Tudo que experimenta no sonho, na ilusão – medo, conflito, traição, sofrimento, dor e confusão constante – é irreal.

Quando se separa da ilusão, mesmo que momentaneamente, indo para dentro, para aquele lugar sagrado onde a chama do Amor de Deus queima constantemente, encontra a paz. Ao se interiorizar com a intenção de conhecer a Deus, sua Fonte divina, o lugar de onde surge renovado a todo o momento, espalha e estende o Amor a todos com quem interage de alguma forma. Esse é o seu propósito nesta encarnação.

Escolheu encarnar como um humano, desta vez, para ajudar os outros a despertar, porque o Amor que compartilha com Deus o motiva mais poderosamente a trazer toda a humanidade para casa, ao seu estado natural de consciência, no qual todos são Um com Deus. Sabe do estado que sendo o Amor encarnado, quer que todos possam experimentá-lo permanentemente. Na verdade está perfeitamente em alinhamento com a Vontade divina e caminhando na Terra para brilhar a Luz do Amor de Deus tão intensamente que ninguém possa deixar de vê-lo.

Essa Luz está brilhando intensamente em todo o mundo, porque muitos de vocês escolheram estar na Terra neste momento para despertar a humanidade.

Não existem outras opções disponíveis, a humanidade vai despertar e o caos e a confusão que parece estar se intensificando em todo o mundo são indicações claras de que o despertar da humanidade está acontecendo agora!

Seu irmão amoroso, Jesus.

Nota do tradutor:

(*) Catch/Ardil 22 – É uma expressão cunhada pelo escritor Joseph Heller no seu romance Catch/Ardil 22, que descreve uma situação paradoxal, na qual uma pessoa não pode evitar um problema por causa de restrições ou regras contraditórias. Frequentemente, essas situações são tais que solucionar uma parte do problema só cria outro problema, o qual acaba levando ao problema original.

Fonte: http://johnsmallman2.wordpress.com/
Tradução: Candido Pedro Jorge


MAIOR COMPREENSÃO DO AMOR

Nós viemos em amor para assistir todos em sua jornada evolucionária de recordação.

O mundo parece estar cheio de imagens intensas tanto do bem como do mal nesta época – a dualidade expressada no seu melhor e mais alto.

Isso é porque as energias sempre crescentes da Luz estão afetando grandemente a estabilidade de qualquer coisa e de tudo formado nas crenças e conceitos antigos.

Regozijem-se, queridos, pois são vocês que estão fazendo o trabalho pesado que está mudando a consciência mundial – o exterior sempre é um reflexo do interior.

Lenta mas seguramente, uma consciência de Unidade está surgindo.

Mais e mais pessoas estão intuitivamente sendo orientadas a assistir o homem, animais, vegetais e o ambiente de Gaia dos modos que parecem ser necessários.

Uma compreensão de muitos dentro do Um está gradualmente nascendo que começa ao nível inconsciente e então vai para a ciência consciente.

Energias dimensionalmente superiores estão servindo para abrir os corações de todos que estão preparados, modificando-os mais profundamente na percepção de que todas as pessoas, não importando a cor da pele ou a língua que elas falam, e também as formas de vida, elas estão e são da substância do Um e procuram as mesmas coisas de acordo com o seu nível de compreensão.

Essas coisas são paz, harmonia, abundância, alegria – todas as facetas do amor incondicional, a essência Divina de tudo que existe, sempre presente e sempre chamando.

Normalmente é apenas uma experiência de algum aparente desastre que traz esta conscientização para aqueles que ainda mantêm firmemente uma sensação de separação, escolhendo viver em torres brancas de farisaísmo e poder e que se veem como separados e melhores do que todos ao redor deles.

Quando vier a mudança para essas pessoas, não se regozijem pela aparente “queda na desgraça”, mas pela percepção de que elas também estão aprendendo e evoluindo, porém do “modo mais duro”.

A mensagem de hoje é sobre o amor, um tema falado e discutido em todos os níveis por todo o mundo.

Uma compreensão profunda e mais verdadeira da natureza divina do Amor é vital para a evolução espiritual.

O Amor é a atividade da unidade e é a base para tudo que existe.

É a cola que mantém juntas todas as coisas e é interpretado e experimentado de acordo com o estado de consciência do indivíduo.

Exemplo: o Amor, a energia de conexão de todas as coisas na Consciência Onipresente

Una, quando interpretado por estados não evoluídos de consciência se manifestará externamente como guerra, violação, abuso e todas as experiências da dualidade e separação.

O Um nunca mudou e nem poderia ser menos do que ele é.

É o estado da consciência individual e também da consciência de consenso que interpreta e manifesta como vocês veem e experimentam o mundo.

Um sentido mais alto do amor está começando a despertar nos corações da humanidade.

O Amor, a energia de conexão entre todas as coisas viventes está começando a ser experimentado e reconhecido profundamente mais do que nos sistemas de crença do passado.

A maioria de vocês teve vidas em que o amor geralmente era apenas um pensamento como algo entre uma mãe e o filho, ou talvez entre amigos ou amantes e normalmente com condições.

O amor era mais uma troca e praticamente nunca incondicional.

Normalmente havia pouco ou nenhum amor nos casamentos que simplesmente eram contratos garantindo conveniência e segurança para dois países ou famílias.

Para os menos abastados, ele normalmente representava outro par de mãos para fazer o trabalho.

As mulheres muito frequentemente eram consideradas moedas de troca ou simplesmente mercadorias, um meio para um fim.

O Amor mesmo no sentido humano raramente entrava no quadro.

Quando o amor romântico acontecia, frequentemente era desencorajado ou até proibido se a união não satisfizesse aos conceitos e crenças daqueles no poder, tanto nas famílias simples como na realeza.

Há muito pouca compreensão da real natureza do Amor exceto pela mística ocasional.

Os conceitos baseados na dualidade e separação governaram a consciência da humanidade vida após vida, condicionando e interpretando o amor e tudo mais de modos muito limitados.

O Amor está começando a ser reconhecido como muito mais do que uma simples ligação emocional.

Ao longo do tempo aqueles com um estado mais alto de consciência tentaram revelar o amor incondicional através de suas palavras e ações, mas a maior parte das pessoas era incapaz de aceitar esse nível de consciência.

Seu trabalho interior está fazendo nascer uma nova consciência mundial e a humanidade rapidamente está alcançando uma capacidade de aprender e viver o Amor como a verdade universal e incondicional de ser como ele realmente é.

Vocês evoluíram e agora estão preparados para aceitar e integrar uma verdade mais profunda do amor incondicional como sendo tudo o que existe.

Esse precisa se tornar um estado atingido de consciência se vocês forem entrar nas energias dimensionalmente superiores que estão emergindo e disponíveis nesta época, que significa conscientização e a prática de seu papel.

Vocês não têm que alcançar totalmente esse estado de consciência para avançar, mas precisam ter a intenção sincera de alcançá-lo.

As dimensões superiores são dimensões de Amor, e não podem ser penetradas enquanto mantendo firme uma consciência de separação com seus acompanhantes: julgamento e crítica.

A necessidade do amor incondicional ocasionalmente atua como um bloqueio para o indivíduo espiritualmente preparado incapaz de aceitar a ideia de ter que amar todos.

Quando isso acontece, significa uma interpretação errônea do que o Amor incondicional realmente é.

É possível ter amor incondicional até por aqueles vivendo em níveis muito densos de consciência uma vez que se compreenda que o amor incondicional não é uma aceitação das ações deles e nem é baixar para o nível de consciência deles.

Ele não é uma atração ou aceitação de todos e de tudo independentemente de quanta devastação que eles possam estar provocando e nem é um desejo emocional de estar com a pessoa ou no local ou coisa embora possa ser uma parte dele.

O Amor incondicional é reconhecimento – o reconhecimento da Divindade sempre presente em todas as coisas até quando o objeto não liga para ela.

O Amor Incondicional significa que todas as pessoas ou situações de que vocês ficam cientes sejam vistas com novos olhos, o que, por sua vez, treina a mente para interpretar os modos novos e superiores.

Comecem a visualizar um diamante no coração de todas as pessoas de que vocês ficam cientes enquanto prosseguem pelo seu dia.

Façam desse diamante um símbolo que representa a Divindade inata da pessoa, mesmo se vocês não gostam ou respeitam o que ela representa.

As notícias, o mundo, as coisas que vocês ouvem ou veem na TV são todas oportunidades para praticar a bênção ao mundo através do reconhecimento.

Em algum momento, precisa vir uma percepção da unidade na consciência mundial se for para ela evoluir além da dualidade e separação, e vocês, os Trabalhadores da Luz, estão fazendo isso acontecer.

Tentem e realmente deixem ir o julgamento e a crítica das aparências, pois medo, preocupação e interesse dão a eles o poder que eles não têm e fortalece qualquer energia ilusória que eles têm.

Isso pode ser difícil para aqueles de vocês acostumados a lutar ativamente contra as questões negativas do mundo em sua busca pela mudança.

Agora lhes é pedido para vocês darem o próximo passo que é um deixar ir a resistência e entrar no amor incondicional.

Sua mente aceitará isso após um tempo, embora no início ela irá se rebelar, pois ela foi treinada de outras maneiras.

Isso jamais significa que vocês não possam assinar uma petição ou entrar em ação se forem orientados para entrar.

Não significa que sua primeira ação agora se torne uma de amor incondicional que pode ou não levar vocês para a próxima ação.

Alcancem esse estado de consciência e o próximo passo de sua jornada e vocês estão preparados.

Nós somos o Grupo Arcturiano

Fonte: http://www.onenessofall.com/

Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com


A caminhada da humanidade através da ilusão tem sido longa e árdua. Passaram muitas vidas tentando encontrar o seu caminho de casa. Como sabem por experiência pessoal, passaram por muito sofrimento na busca por amor, sendo traídos ou abandonados por aqueles com quem relacionaram com amor.

Muitas vezes, parece que a vida não é para ser feliz ou agradável, parecendo mais provável ser um caminho que envolve muita dor e sofrimento, com aqueles que levam as chamadas “boas vidas” estarem tão propensos a sofrer como qualquer outra pessoa, parecendo haver pouco interesse num bom comportamento, uma vez que parece não fazer absolutamente nenhuma diferença, na medida em que as recompensas disponíveis na ilusão, muitas vezes parecem ser concedidas àqueles menos dignos de recebê-las.

A ilusão é um ambiente insano. Foi construída coletivamente para que pudessem se separar da Fonte divina e, para acessar a esse estado irreal, o Amor, sua verdadeira natureza, teve de ser excluído. Mas é claro que todos desesperadamente desejam amar e ser amado e, assim buscam o amor um do outro… Indefinidamente.

É verdadeiramente um lugar muito confuso, no qual nunca podem encontrar o que estão incessantemente procurando – Amor – porque ele foi excluído. O que se passa por Amor, muitas vezes é um comportamento conduzido pelo sentimento de culpa, medo ou baixa autoestima.

Saibam que foram criados perfeitos e que nada pode mudar isso e que suas habilidades aparentes e competências, ou falta delas, experiências como as que vivem na ilusão, são apenas limitações ilusórias. São apenas ferramentas que pode usar para demonstrar a si mesmos que a ilusão é ilusória, irreal.

Como tantas vezes já foi dito, Deus é Amor e contém dentro de si tudo o que existe, toda a sua criação divina. Esse conceito não faz sentido quando se está confinado na ilusão e, portanto, severamente limitado pelas restrições que coloca em sua inteligência e sua capacidade de compreender quem é Deus, numa forma significativa.

A ideia de construir a ilusão foi construir algo extremamente limitado, porque essa era a única maneira de aparente separação de Deus, de sua Fonte divina. A separação de Deus é impossível, todavia, um lugar imaginário ou irreal de separação fosse possível e é isso que construíram.

Realmente é um lugar ou situação terrível e apavorante. Felizmente, irão despertar dele! O Amor de Deus está totalmente além de suas capacidades de imaginar ou conceberem, consequentemente quando escolheram “sair de casa”, Ele imediatamente forneceu os meios para seus retornos, para despertarem.

Tudo que precisam fazer é parar de tentarem encontrar seus próprios caminhos, porque não existe nenhum. A única maneira de voltar para Casa é o caminho de Deus, que descobrirão ao liberarem seus poderes do medo, raiva, ressentimento, julgamento e abraçando o perdão.

O perdão é o antídoto da ilusão, o solvente no qual é dissolvido e está disponível, desde quando entraram na ilusão. No Céu, no Amor, em Deus, não há necessidade de perdão, uma vez que não há nada a perdoar, não existe nada que não esteja em perfeita harmonia e alinhamento com o Amor, seu estado natural, o estado do qual, na verdade, nunca saíram, porque não existe outro lugar.

O fato de suas existências é prova de que são Um com Deus e, portanto, entre si. Mas o estado de separação que parecem habitar insiste que este não seja o caso, insiste que o oposto é que é verdadeiro, que estão separados, sozinhos e insignificantes. E assim, gastaram eras, confusos, procurando por algo que não pode ser encontrado fora de si mesmos.

Deus está convosco, assim como vocês estão com Deus. No entanto, o pesadelo que conceberam e construíram, devido às limitações que construíram como uma parte essencial dele, efetivamente colocou um véu, uma cortina, ou um escudo entre vocês, entre vocês e Deus, entre vocês e a Realidade. Feita de suas escolhas em ver a separação como real ou perigosa e constantemente ameaçando suas vida num ambiente como esse, não havendo espaço para a confiança, honestidade, integridade ou para o Amor.

Quanto mais profundamente tentarem se envolver com a ilusão, mais real parecerá e mais sofrimento e traição irão experimentar. Envolver-se-ão com ela, por julgá-la e, também, tentar melhorá-la, alterá-la ou tirar proveito dela e buscarem poderes sobre outros, parecendo oferecer enormes possibilidades para aqueles que optam por serem suficientemente selvagens e desenfreados para tentarem controlar e governá-los como bem entenderem, pelo medo e força das armas. Enquanto isso, aqueles que rezam pela paz mundial, estão sendo constantemente lembrados do intenso e injustificável sofrimento que muitos estão passando por todo o mundo.

No entanto, ninguém está no “lugar errado!” Todos na Terra são filhos amados de Deus, já receberam tudo de Deus, incluindo o livre-arbítrio e a liberdade de escolher qual o caminho a seguir, quando encarnaram como seres humanos na ilusão. Ninguém é “prejudicado”, não significando que o sofrimento que alguém sofra durante uma vida terrena seja de alguma forma justificado ou um castigo merecido pelo o mau comportamento numa encarnação anterior.

Todos humanos encarnados, na Terra, fizeram uma escolha guiada espiritualmente para embarcar numa série de experiências de aprendizagem mais adequadas às suas necessidades individuais. Ninguém na Terra pode saber por que outro está seguindo um caminho particular.

Qualquer um pode fazer, sendo que o curso mais adequado do plano de ação a seguir é oferecer Amor, honestidade e compaixão para com todos com quem interagir e, se sente que foi magoado ou ofendido, oferecer seu perdão.

Lembrem-se de que há um propósito espiritual em todas as reuniões, em cada interação e em todas as relações. Se o seu significado torna-se evidente, não será de grande importância. A parte mais importante de ser humano é a prática de ser amoroso, compassivo e misericordioso em todas as situações em que se encontrar, de modo que aprendam suas lições e esqueçam todos os aspectos de si mesmos que sejam de desamor; aspectos que, de fato, são anexos inúteis, ajudando-os a mantê-los reféns da ilusão.

O Amor, quando praticado de forma honesta e com integridade, ao contrário de condicional ou manipulado, traz paz, cura e alegria. Qualquer outra forma de amar não é digna desse nome e sempre resulta em dor. Se tiverem a intenção de praticar um comportamento amoroso, em todos os seus pensamentos, palavras e ações e, ao se manterem reafirmando essa intenção, então suas vidas fluirão mais facilmente, encorajando-os a mantê-los reafirmando essa intenção.

Já devem ter notado que aqueles que se comportam amorosamente são geralmente muito mais felizes que aqueles que estão sempre encontrando defeitos, neles mesmos, nos outros, ou com o mundo em geral. E isso é porque a verdadeira natureza do ser humano é Amor. A paz e a felicidade são encontradas ao vencerem seus egos, amando, perdoando, não julgando, vivendo sem ressentimento e ódio e, claro, serem fieis a si mesmos. Este também é o caminho para o Despertar.

Nunca se esqueçam de que não há nada que possam fazer para Deus retirar o Seu Amor, ou de alguma maneira alterar seus sentimentos para com vocês. O Amor os envolve a todo o momento de suas existência eternas. Sem ele, o que é impossível, suas existências cessariam, porque é a fonte de suas vidas. São Um com Deus, com o conhecimento a se tornar mais brilhantemente manifesto, preenchendo-os com alegria imensurável.

Com muito amor, Saul.

Fonte: http://johnsmallman.wordpress.com/
Tradução: Candido Pedro Jorge