Alimentação,  Uncategorized

Granola Emagrece, Evita Câncer, Doenças Intestinais e Envelhecimento

Saiba Como Incluir Corretamente a Granola na sua Alimentação

O que é a granola?

A granola é uma mistura de cereais (fibra de trigo, aveia, linhaça, flocos de arroz), frutas secas, grãos, oleaginosas (castanha de caju e castanha-do-pará). Algumas ainda são compostas também por mel e açúcar mascavo.

Qual a composição nutricional da granola?

Carboidrato, lipídeos, fibras, vitaminas (A, B1, B2, B6, B9, B12 e C) e minerais (ferro, cálcio e zinco).

A granola é amiga da dieta?

Pode auxiliar na alimentação saudável quando utilizada juntamente com outro cereal que tenha baixa carga glicêmica (ex.: aveia, chia). Justamente por ter alta carga glicêmica, ela não é indicada para ser ingerida sozinha e não deve ser consumida todos os dias.

Quais os benefícios da granola?

A granola, quando usada com moderação, traz benefícios à saúde. Por ser rica em fibras, auxiliando no bom funcionamento do intestino, e, por ter vitaminas e minerais, é considerada antioxidante, ajudando no retardo do envelhecimento.

Qual é a variação mais saudável?

É importante que se preste atenção à composição da granola, pois existem muitas variações. As ideais são as com baixa quantidade de açúcar e com teor reduzido de calorias e as que contenham oleaginosas e grãos mais saudáveis (aveia, linhaça) em vez de flocos de milho e pedaços de chocolate, por exemplo.

Sete cuidados que devemos tomar ao comprar e ao ingerir a granola:

1) Preste atenção à composição da granola (a qual não pode, por exemplo, conter pedaços de chocolate);

2) A granola deve conter oleaginosas (nozes, castanha-do-pará);

3) Verifique a quantidade de açúcar (quanto menos, melhor);

4) A granola não deve conter flocos de milho;

5) O valor de fibras deve ser maior do que o valor de gorduras;

6) A granola não deve conter corantes em sua composição;

7) Não exagere nas quantidades diárias: em excesso, poderão elevar a gordura corporal.

De que forma podemos incorporar a granola em nossa alimentação?

Pode ser utilizada 1 colher de sopa de granola com duas colheres de sopa de aveia no café da manhã. Muitas pessoas utilizam a granola no lanche pré-treino. Só que ela não é um bom alimento antes do treino, pois contém alta carga glicêmica. Para refeições de 30 minutos a uma hora antes do treino, o mais indicado é um alimento de baixa carga glicêmica, para manter a glicemia (açúcar do sangue) durante todo o treino, fornecendo energia até o final do exercício.

Quantidade diária?

Varia muito de indivíduo para indivíduo, mas de maneira geral, uma colher (sopa) por dia.

Contraindicação?

Celíacos não podem consumir, por conter glúten, e diabéticos, por conter açúcar.

Granola emagrece, evita câncer, doenças intestinais e envelhecimento

Mas, é claro, isso depende da forma de consumo do mix de cereais torrados, castanhas, sementes e açucares. “A granola possui baixo teor de gordura e nutrientes importantes à saúde em sua composição, como as fibras solúveis e insolúveis, vitaminas, minerais e ácidos graxos insaturados.

Apesar disso, possui valor calórico importante e deve ser consumida dentro de um contexto de alimentação saudável, sendo que 40g, o equivalente a três colheres de sopa, possui em média 150 calorias”, explica a nutricionista Cintya Bassi, do Hospital e Maternidade São Cristóvão.

O ideal para aproveitar os benefícios da granola sem aumentar o peso é consumir cerca de 20g (uma colher e meia de sopa) ao dia, sempre adicionada a alimentos com baixo teor calórico.

É geralmente consumida com iogurtes, frutas, vitaminas ou açaí. No caso do iogurte, se a intenção é emagrecer, os gregos não são os mais indicados, porque agregam valor calórico maior. Dê preferência às versões light”.

Ainda de acordo com a especialista, uma boa pedida é consumir o cereal especialmente no período da manhã e antes de atividades físicas, “justamente por ser um dos alimentos de maior poder reconstituinte”.

É importante também que pessoas com doenças crônicas, como diabetes, atentem-se aos rótulos, uma vez que a composição é variada e pode apresentar açúcar – nesse caso, a versão diet é mais indicada.

Entenda porque granola emagrece

Graças à alta concentração de fibras, a granola pode promover uma grande sensação de saciedade, o que evita a fome mais cedo e ajuda a controlar o apetite. Além disso, os minerais presentes, em especial selênio e zinco, são ricos em substâncias antioxidantes. Isso garante uma desintoxicação do organismo, essencial para que as células funcionem bem, aumentem o metabolismo e auxiliem na queima de gorduras.

Mais benefícios

A nutricionista Cintya Bassi conta ainda as demais propriedades da granola. “As fibras solúveis são substratos para os micro-organismos benéficos da flora intestinal, que auxiliam na produção de vitaminas do complexo B e atuam protegendo as paredes do cólon e do intestino, podendo reduzir a incidência de câncer e doenças no aparelho digestivo”.

Além disso, melhoram o controle glicêmico, possui nutrientes que melhoram a disposição e energia do indivíduo e os minerais selênio e zinco previnem contra o envelhecimento das células. Cintya aproveita para alertar: “A ingestão deve estar atrelada ao aumento no consumo de água, pois o processo de digestão das fibras necessita de líquido. Caso seja insuficiente, pode causar constipação”.
Qual granola comprar?

Não existe uma legislação para definir a composição das granolas, por isso podem apresentar inúmeras opções, compostas de diferentes elementos e em quantidades variadas. A versão light possui em geral alimentos com menor valor calórico, como sementes e frutas. Já a normal possuir maior quantidade de açúcares e frutas oleaginosas. Se o objetivo for perder peso, opte pela light, mas ambas devem ser consumidas com moderação.

RECEITAS

1) Granola caseira
 

Ingredientes

* 1 xícara (chá) de aveia em flocos finos
* 3 colheres (sopa) de linhaça
* ½ xícara de maçã seca
* ½ xícara (chá) de açúcar mascavo
* 2 colheres (sopa) de castanhas picadas
* 2 colheres (sopa) de nozes
* 2 colheres (sopa) de uvas-passas

Modo de preparo

Misture a aveia, o açúcar mascavo e a maçã seca. Leve ao forno preaquecido a 180ºC até ficar torrado e crocante. Retire do forno e acrescente as uvas-passas e as castanhas e nozes. Deixe esfriar.

2) Cupcake de granola

Ingredientes

Massa

* 3 ovos
* 2 xícaras de farinha integral
* 1 xícara e ½ de açúcar mascavo
* 2 bananas amassadas
* ½ xícara de mirtilo
* 4 col. (sopa) de óleo de coco
* ½ xícara de granola
* ¾ de xícara de leite desnatado
* ½ maçã ralada
* 1 colheres (sobremesa) de canela
* 1 colheres (sopa) de fermento
* 1 colheres (sopa) de bicarbonato

Cobertura
* 1 xícara de granola
* 5 nozes
* 5 castanhas-do-pará
* 2 colheres (sopa) de açúcar mascavo
* 1 colheres (sobremesa) de canela
* 3 colheres (sopa) de mel

Modo de preparo

Disponha a massa em formas para cupcake, coloque por cima a cobertura e leve para assar em forno preaquecido a 180° por aproximadamente 30 minutos.

Leia mais: http://www.noticiasnaturais.com/2014/12/saiba-como-incluir-corretamente-a-granola-na-sua-alimentacao/#ixzz3TBGCWU00

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »